leile_pinto@hotmail.com

sábado, 28 de agosto de 2010

Problemas que afastam os docentes de sala de aula

Problemas de saúde afastam professores da escola
Licenças-médicas afastam professores das escolas.

--------------------------------------------------------------------------------
Estresse, dor nas costas, distúrbios vocais. Estes são os principais fatores que levam os professores a pedir afastamento da sala de aula



O trabalho tem um papel central na vida das pessoas, podendo contribuir tanto para a melhoria da qualidade de vida quanto para o desenvolvimento de doenças. Muitas categorias profissionais têm sido alvo de estudos para diversos pesquisadores, entre elas, encontram-se os professores, que desde a década de 80 vêm, de forma mais acentuada, apresentando sinais de adoecimento. As causas são, em sua maioria, as mesmas: distúrbios vocais, estresse, dor nas costas e esgotamento mental e físico.



Cerca de 22,6% dos professores pediram afastamento por licenças-médicas de acordo com a pesquisa Identidade Expropriada – Retrato do Educador Brasileiro realizada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), em 2003. “Isso causa um desfalque no sistema e é um problema difícil de controlar”, explicou a secretária de Finanças do CNTE, Juçara Dutra. Ela ressaltou que cada licença-médica significa, em média, cerca de três meses fora da sala de aula.

Emocional afasta professores


Grupo especial é criado para avaliar distúrbios psíquicos entre servidores da rede pública. Acompanhamento de parentes doentes e depressão são as maiores causas de falta ao trabalho

Acompanhamento de parentes doentes, depressão, distúrbios psíquicos e doenças osteomusculares são as principais causas apresentadas por professores e servidores da rede pública de ensino para se afastarem das salas de aula.

Um comentário:

  1. ESSA EXPERIÊNCIA JÁ PASSEI, AFASTADA DE SALA DE AULA POR CAUSA DA VOZ.

    ResponderExcluir