leile_pinto@hotmail.com

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

CIDADANIA - ELEIÇÃO NA ESCOLA 2010
























NO INÍCIO DA AULA, HOUVE UMA CONVERSA COM AS CRIANÇAS SOBRE ELEIÇÃO,POLÍTICOS, COMPRA DE VOTOS, IMPORTÂNCIA DO VOTO, OS DEVERES DOS GOVERNANTES COM SEUS ELEITORES.
AS CRIANÇAS ADORARAM O FAZ DE CONTA, ONDE ELES ELEITORES ESCOLHERAM SEUS CANDIDATOS E VOTARAM. NO FINAL PUDERAM ACOMPANHAR O RESULTADO DA VOTAÇÃO, PARA PRESIDENTE MARINA SILVA VENCEU E PARA GOVERNADOR THEOTÔNIO VILELA FOI O VENCEDOR. PARABÉNS AOS ALUNOS PELA PARTICIPAÇÃO NA ELEIÇÃO 2010 NA ESCOLA.

domingo, 26 de setembro de 2010

DIA DA CRIANÇA

O FUTURO NÃO ACONTECE SOZINHO

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - CURSO PREVENÇÃO AS DROGAS

Educação a distância Curso ajuda na prevenção às drogas em escola de Rondônia
Sexta-feira, 24 de setembro de 2010 - 14:35
Professores da Escola Municipal Padre Chiquinho, em Porto Velho, Rondônia, estão entre os inscritos na quarta edição do curso de prevenção ao uso de drogas para educadores de escolas públicas. Promovido pelos ministérios da Educação e da Justiça e Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) da Presidência da República, o curso oferece 25 mil vagas a professores de todo o país. As aulas, a distância, são ministradas pela Universidade de Brasília (UnB).

“Cursos na área de combate às drogas e estudos do Estatuto da Criança e do Adolescente são sempre bem-vindos. Procuro fazer esses cursos para poder trabalhar melhor com essas questões na escola”, diz a diretora Domingas Luciene Feitosa Sousa. Segundo ela, outros professores da instituição de ensino participaram de edições anteriores do curso, que tem quatro meses de duração.

Formada em pedagogia e em teologia, com pós-graduação em gestão escolar e mestrado em geografia, Domingas explica que faz os cursos pensando nos alunos e na forma de contribuir para que eles tenham outras possibilidades na vida. Alguns estudantes da escola rondoniense são filhos de presidiários; outros cumprem medidas socioeducativas ocasionadas, principalmente, por brigas, roubos, venda de drogas e porte de armas. “Muitas vezes, uma palavra, um apoio, um incentivo são elementos importantes para se mudar os rumos de uma vida, principalmente quando se trata de crianças”, afirma a diretora, que trabalha na instituição desde 1999 e desde 2003 faz parte da equipe gestora.

Ela lembra a história de um aluno cujo pai cumpre pena por tráfico de drogas. Domingas salienta que estudantes em tal situação, ao visitar o pai preso, além de aprenderem palavras usadas pelos detentos, aprendem também lições não apropriadas a uma criança. “Enquanto escola, fazemos tudo o que é possível, mas precisamos também do apoio da família”, adverte. “Nossa luta é grande.”

Um dos programas desenvolvidos pela escola Padre Chiquinho é o Mais Educação. Realizado às terças-feiras, oferece atividades como aulas de judô e de xadrez, abertas à participação de todos os alunos. De acordo com Domingas, o instrutor do judô, Hermes Ripardo, trabalha com insistência na questão de como abandonar o mundo das drogas. “O trabalho dele é elogiável”, destaca.

Fátima Schenini

Saiba mais no Jornal do Professor

EDUCACENSO 2010

Redes têm até 24 de outubro para complementar os dados
Sexta-feira, 24 de setembro de 2010 - 10:21
O Diário Oficial da União desta sexta-feira, 24, publica os dados parciais de matrícula enviados pelas redes de ensino ao Censo Escolar da Educação Básica de 2010 por meio do sistema Educacenso.
A divulgação atende à obrigatoriedade legal do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) de liberar informações prévias aos gestores para subsidiar municípios e redes na finalização do processo de preenchimento do censo e correção de eventuais distorções.

O prazo para consolidação do envio e correção vai até 24 de outubro. Findo o período, o banco de dados será fechado. A partir daí, serão divulgados os resultados consolidados do Censo de 2010. Os resultados parciais publicados abrangem apenas as matrículas públicas atendidas pelo Fundeb, que distribui recursos proporcionalmente, consideradas as diferentes etapas, modalidades e tipos de estabelecimento de ensino.

São apresentados, para cada rede municipal e estadual de ensino do Brasil, números até agora declarados de matrícula em creches e pré-escolas, nos anos iniciais e finais do ensino fundamental, médio, médio integrado à educação profissional, educação especial, educação de jovens e adultos e educação de jovens e adultos integrada à educação profissional de nível médio. Todas separadas por tempo parcial e integral, localização urbana e rural.

Além da publicação dos dados no Diário Oficial, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) envia às secretarias estaduais e municipais de educação relatórios detalhados de matrículas, de transporte escolar, de atividade complementar e atendimento educacional especializado, de educação de jovens e adultos integrada à educação profissional e de educação profissional, de escolas existentes no cadastro e que ainda não informaram os dados e o de diretores ou responsáveis pelas informações declaradas no censo escolar. Todos separados por escola, para que a secretaria de educação possa fazer a conferência e as correções após a publicação dos resultados parciais.

Recursos — Mais de 300 municípios de 21 unidades da Federação devem dedicar especial atenção ao período de complementação e correção dos dados, pois ainda não enviaram todas as informações. Os gestores e as escolas devem preservar documentos que comprovem as informações declaradas no censo para possíveis verificações.

O preenchimento correto e o envio de dados confiáveis garantem a correta distribuição dos recursos do Fundeb e dos demais programas que usam informações do Educacenso, como distribuição de alimentação escolar, livro didático e transporte escolar.

A divulgação completa dos dados consolidados do Educacenso de 2010 está prevista para o fim de novembro, com os devidos cruzamentos estatísticos e análises.

Assessoria de Imprensa do Inep

CONCURSO- LITERATURA PARA TODOS

Divulgados os integrantes da comissão julgadora do concurso
Quinta-feira, 23 de setembro de 2010 - 17:52
Os escritores brasileiros Luiz Ruffato, Maria Esther Maciel, Cláudio Daniel e Ronaldo Correia de Brito, e o escritor angolano José Eduardo Agualusa, compõem a comissão julgadora que vai avaliar as obras do concurso Literatura para Todos 2010, promovido pelo Ministério da Educação. A pedagoga Fátima Lucília Vidal Rodrigues será a assessora da comissão para as especificidades da educação de jovens e adultos.

O prazo para a inscrição de livros vai até 13 de outubro. Podem apresentar obras literárias escritores brasileiros e africanos de língua portuguesa. O Literatura para Todos deste ano abrange nove gêneros e vai entregar prêmios individuais no valor de R$ 10 mil, em dinheiro, a nove escritores, além de editar e distribuir os livros para milhares de jovens e adultos em processo de alfabetização ou que frequentam turmas da educação de jovens e adultos em todo o país.

Na quarta edição, o concurso vai selecionar duas obras dos gêneros: prosa (conto, novela ou crônica), poesia, texto da tradição oral (em prosa ou em verso); e uma obra do perfil biográfico e dramaturgia. Os concorrentes dos países africanos – Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e São Tomé e Príncipe – podem escolher uma das cinco modalidades.

As inscrições serão feitas com o envio das obras literárias. No Brasil, o livro deve ser enviado para o endereço: 4º Concurso Literatura para Todos – Ministério da Educação, Esplanada dos Ministérios, Bloco L, sala 209. CEP 70047-900 – Brasília – DF. Os escritores africanos encaminham as obras para as embaixadas do Brasil em seus países.

A página eletrônica da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade (Secad) traz o Edital nº 5/2010 do Literatura para Todos e um perfil dos neoleitores, elaborado por Elisiane Vitória Tiepolo, mestre em literatura brasileira pela Universidade Federal do Paraná.

Concurso – Criado em 2006, o concurso Literatura para Todos já selecionou 30 títulos. Desde 2008, a coleção integra o Programa Nacional de Biblioteca na Escola (PNBE) do Ministério da Educação. Confira os escritores que integram a comissão julgadora das obras.

Ionice Lorenzoni

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

AS REGIÕES



















Região Centro-Oeste, que compõe-se dos estados: Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul e do Distrito Federal. Possui um território de 1 604 852 km² (18,9% do território nacional). Sua população é de cerca de 12 milhões de habitantes.

Região Nordeste, que compõe-se dos estados: Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia. Possui um território de 1 556 001 km² (18,2% do território nacional), dentro dos quais está localizado o Polígono das secas. Sua população é pouco superior a 50 milhões de habitantes.

Região Norte, que compõe-se dos estados: Acre, Amazonas, Roraima, Rondônia, Pará, Amapá e Tocantins. Possui um território de 3 851 560 km² (45,2% do território nacional), e uma população pouco superior a 14 milhões de habitantes – o que faz dela a região com menor densidade demográfica.

Região Sudeste, que compõe-se dos estados: Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro e São Paulo. Possui um território de 927 286 km² (10,6% do território nacional). Sua população é de cerca de 77 milhões de habitantes.

Região Sul, que compõe-se dos estados: Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Possui um território de 575 316 km² (6,8% do território nacional) e sua população é de mais de 26 milhões de habitantes.

RIOS PERENES E RIOS TEMPORÁRIOS- VEJA A DIFERENÇA











TIPOS DE RIOS



Segundo a variação do volume de suas águas, os rios podem ser perenes, intermitentes e temporários.

Rios perenes- são os que possuem fluxo de água durante o ano todo. Não secam nem mesmo durante a estiagem, quando apresentam uma vazão mínima.


Rios intermitentes-são aqueles que possuem fluxo de água apenas durante a estação das chuvas. Durante a estiagem secam por completo.

Rios temporários- consistem em canais secos a maior parte do ano, e que comportam o fluxo de água apenas durante e logo após uma chuva. Eles são típicos do deserto, onde as chuvas são bastante irregulares.

BACIAS HIDROGRÁFICAS

Bacias hidrográficas brasileiras

O Brasil tem uma extensa rede hidrográfica. Apesar de o transporte hidroviário ser pouco utilizado, as bacias hidrográficas brasileiras oferecem boas possibilidades de navegação.


Os rios brasileiros são de regime pluvial, com exceção de Amazonas. Há rios temporários apenas no sertão nordestino. Predominam rios de planalto em áreas de elevado índice pluviométrico.

As principais bacias hidrográficas são:

Bacia do rio Amazonas

É a maior bacia hidrográfica do planeta, ocupando cerca de 46% do território brasileiro. Seu rio principal nasce no Peru, com o nome de Marañon, e passa a ser chamado de Solimões na fronteira brasileira até o encontro com o rio Negro. A partir daí, recebe o nome de Amazonas. É o rio mais extenso (7100 km).

O regime do principal rio é níval e pluvial. A bacia possui um grande número de rios caudalosos, bons de navegação em grandes trechos, por serem rio de planície.

Bacia do Tocantins

Ocupa aproximadamente 9,5% do território nacional. Seus principais rios é o Tocantins e o Araguaia. Por ter longos trechos navegáveis, essa bacia é útil para escoar boa parte da produção de grãos. No rio Tocantins está instalada a usina hidrelétrica de Tucuruí, a segunda maior do país.

Bacia Platina

Ocupa cerca de 16,6% do território do país. Seus rios principais são, Paraná, Paraguai e Uruguai, que formam o rio da Prata, em território argentino. Esta bacia é composta pela bacia do rio Paraná e bacia do rio Uruguai.


A bacia do rio Paraná é bem utilizada para obter energia elétrica, irrigação e navegação.

Bacia do rio São Francisco

Ocupa uma área de aproximadamente 7,5% do território nacional. O rio São Francisco, nasce em Minas Gerais, e atravessa o sertão semi-árido mineiro e baiano, de grande importância para a população ribeirinha, irrigação e criação de gado. Também é aproveitado para obter energia elétrica. Os rios são perenes e temporários.

Bacia Secundária

São as bacias: Atlântico Norte-Nordeste, Atlântico Leste e Atlântico Sudeste.


Essas bacias não tem ligação entre si. Foram agrupadas por causa da localização delas no litoral.

terça-feira, 21 de setembro de 2010

CARTAZ DA PRIMAVERA







PROFESSORA SALETE CONFECCIONOU O CARTAZ, PARA DAR AULA AOS ALUNOS.

TRABALHANDO O CORPO HUMANO







TURMA DA PROFESSORA NEUSA, TURNO MANHÃ- JARDIM I

DIA DA ÁRVORE NA ESCOLA




























A EXPOSIÇÃO DAS ATIVIDADES(SOBRE A ÁRVORE) NO MURAL, SÃO DAS PROFESSORAS NEUSA E TEREZA DO TURNO DA MANHÃ - ALUNOS DO JARDIM I.

VISITEI AS TURMAS DO JARDIM II, DAS PROFESSORAS ELIETE E SALETE, DURANTE AS ATIVIDADES COM OS ALUNOS SOBRE O DIA DA ÁRVORE.

SEMANA DO TRÂNSITO NA ESCOLA






















AS CRIANÇAS ESTÃO ADORANDO BRINCAR COM CARROS, SEMÁFOROS, PLACAS,FAIXAS DE SEGURANÇA, GUARDA DE TRÂNSITO E PEDESTRES.

sábado, 18 de setembro de 2010

ANIVERSÁRIOS DE AGOSTO

















FELICIDADES E PARABÉNS!
DIA 04 NIVER PRIMA HERYKA- SEM FOTO
DIA 10 NIVER AMIGO CARLOS-SEM FOTO
DIA 11 NIVER DO SOBRINHO LEINER- NA FOTO COM O PEQUENO DAVI
DIA 16 NIVER DA MADRINHA ELIZABETH - SEM FOTO
DIA 28 NIVER DA AMIGA LAURA

ANIVERSÁRIOS DE JULHO























PARABÉNS E FELICIDADES!
DIA 12 SOBRINHA TWANE ( NA FOTO COMIGO)
DIA 12 SOBRINHO BRUNO- NA FOTO COM A MÃE LENA
DIA 14 PRIMO ANDERSON
DIA 25 AMIGA MARIA JOSÉ
DIA 25 AMIGA ELSE - SEM FOTO
DIA 25 CUNHADA DE ARICIO MILA- NA FOTO COM SEUS LINDOS FILHOS
DIA 27 AMIGA AMANDA - SEM FOTO

ANIVERSÁRIOS DE JUNHO
























PARABÉNS E FELICIDADES!
AMIGA DILZA DIA 01
TIA MARGARIDA DIA 11 - NA FOTO COMIGO
SOBRINHO ÁLVARO DIA 19
PRIMA ERICA DIA 24 - NA FOTO COM SEUS FILHOS E ESPOSO DÊNIS
DANIELE - NA FOTO COM ANDERSON E O GUI- DIA 21
AMIGA PALMIRENA DIA 28- SEM FOTO
AMIGA MARGARETH DIA 30 - SEM FOTO

ANIVERSARIANTES DE MAIO

























PARABÉNS E FELICIDADES!
DIA 01 SOBRINHO LEIVAN - NA FOTO COM A ESPOSA E O FILHO
DIA 08 TIO VIEIRA - SEM FOTO
DIA 12 PRIMO HENRIQUE - SEM FOTO
DIA 16 SOBRINHA CRIS
DIA 31 SOBRINHA VANESSA
DIA 31 LEILE - COM FILHO E ESPOSO
DIA AMIGA HILDA