leile_pinto@hotmail.com

terça-feira, 10 de abril de 2012

VAGA PARA UM PROFESSOR POR ANO EM HARVARD

Acordo prevê vaga em Harvard para professor visitante

Boston — O Brasil tem, a partir de agora, vaga permanente garantida em Harvard para um professor visitante por ano. O acordo que institui a medida foi assinado por representante da instituição e pelo presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Jorge Guimarães, nesta terça-feira, 10, no campus da universidade em Cambridge. A seleção dos professores será feita pela Capes.

"Queremos construir um Brasil do futuro e uma parte dele pode passar por Harvard", afirmou a presidenta Dilma Rousseff, que participou da cerimônia de assinatura do acordo. Para a presidenta, "as relações no campo da educação, ciência e tecnologia não podem ter fronteiras".

Para Drew Faust, presidente de Harvard, cargo que equivale ao de reitora, este é um momento de grandes possibilidades para a educação superior nos dois países. "Trabalharemos para sustentar o progresso da educação", disse.

Na mesma oportunidade, a Capes firmou novo convênio com Harvard e com a Fundação Lemann para a ampliação do programa Ciência sem Fronteiras. Os acordos têm o objetivo de estabelecer projetos conjuntos de pesquisa, parcerias universitárias, intercâmbio de pesquisadores e estudantes de graduação e pós-graduação, programas de treinamento de professores, formação em tecnologias educacionais, e de professor visitante.

Após o ato de assinatura dos acordos, a presidenta Dilma Rousseff proferiu palestra na Harvard Kennedy School of Government em que abordou assuntos referentes à educação em todos os seus níveis. "Com nossos esforços para reduzir a desigualdade na educação, o Brasil seguirá na trajetória para estar à altura dos desafios que se apresentam".

Letícia Tancredi

Nenhum comentário:

Postar um comentário