leile_pinto@hotmail.com

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

OLIMPÍADAS 2012 - VEJA O BRASIL EM 22º LUGAR

O ginasta brasileiro Arthur Zanetti, 22 anos, foi aguardado por mais de duas horas por vários torcedores que o assistiram conquistar uma medalha olímpica de ouro inédita para a ginástica nacional, na prova de argolas, nesta segunda-feira, no North Greenwich Arena, em Londres. Ao deixar o local onde competiu nesta segunda-feira, Zanetti foi recebido pelos brasileiros como um herói, sendo abraçado, beijado, assedidado e jogado ao alto pelos fãs, que invadiram o encontro familiar e gritavam sem parar: "sai da frente que o Zanetti é chapa quente". Tímido, o atleta não escondeu a surpresa com a recepção - além dos torcedores, uma multidão de jornalistas o aguardava -, e disse que a "ficha ainda está caindo", entre um puxão e outro para tirar fotos. "Vai ser difícil me acostumar com isso, viu? Ainda mais que eu não gosto muito dessas coisas (da fama). Mas é muito bom poder representar o Brasil", disse, sorridente. A medalha de bronze para Cesar Cielo nos 50 metros rasos, prova na qual era campeão olímpico; Um ouro e dois bronzes - logo no dia seguinte à abertura dos jogos. Felipe Kitadai conquistou a primeira, de bronze, no judô. Na mesma modalidade, veio o ouro com Sarah Menezes e a terceira medalha foi por conta de Rafael Silva também nos tatames. O saldo do Brasil nos Jogos Olímpicos de Londres, ao se completarem 10 dias nesta segunda-feira (06), é de 10 medalhas nas diversas modalidades: 2 de ouro - além de Sarah tivemos o ginasta Arthur Zanetti nas argolas; 1 de prata, com Thiago Pereira nos 400 metros Medley na natação; e cinco de bronze, às de Rafael e Kitadai somaram-se as conquistadas por Mayra Aguiar( até 78kg) no Judô, Cielo nos 50 m rasos na natação e a dupla Robert Scheidt e Bruno Prada na classe Star da Vela. Dois novos bronzes, pelo menos, já foram garantido para Adriana Araújo, na categoria até 60 kg do boxe, e Esquiva Falcão, nos Médios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário